Odeio-te

Publicado em

11053409_905876562818963_220301774178599369_n

“Eu tenho inveja de ti,

por isso é que eu te odeio e não falo de amor porque sinto que tens amor de sobra em ti,

não sei o que fazes nem como fazes,

mas com a cabeça no meu peito, sem falares tu das-me frases de conforto,

sou louco por invejar o teu sorriso,

o teu jeito de deixares tudo perfeito e nem dares conta disso,

nunca te disse, eu sei,

talvez com receio de perceberes de quão especial és!

e não me quereres mais como Rei… Rainha espero que entendas!

Que ainda sinto borboletas enquanto aguardo que atendas os meus telefonemas,

e o que é que aconteceu? pergunto eu as paredes do quarto

pintadas por nós em Março,

o nosso espaço… mais que tinta, mais que cor, foi o nosso passo em frente

e tu não mudaste continuaste transparente,

quero entregar-te numa bandeja parte do que sou,

enquanto parte do que fui, parte e já não volta não.

É que o tempo não volta a trás,

mas as vezes fico vê-lo a passar…

e quanto mais tempo, mais eu percebo…

é contigo que eu quero ficar”

nts – Odeio-te

#novostempos

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s