Últimas actualizações de eventos

Nada dura para sempre…

Publicado em Atualizado em

tumblr_l6o3qqjSyv1qabqd5o1_400_large

“Era uma vez…” Eu e tu a dar-mos o primeiro beijo num canto, perto de minha casa. Foi o primeiro passo de um sentimento, à priori estranho, que causava cocegas na barriga… mas com o passar do tempo parecia tornar-se cada vez mais eterno! Parecíamos uns tolos apaixonados. Sem pensar em consequências, envolvemos-nos, ignoramos opinião de outros, não pensávamos em mais nada, a não ser tu e eu…
No meio de tantas brincadeiras, abraços, pulos, beijos e amassos, juramos fidelidade e eternidade… Isso levou a planeamentos… ( quão bom era sonhar com o que planeávamos para nós ).
Complicações vieram… o sonho cada vez mais teimava em acordar-me… mas eu queria permanecer a sonhar… Porque éramos felizes, e nada mais interessava.
A questão é: não fomos fortes o suficiente para enfrentar os problemas?… Ou nada está destinado a ser para sempre?…
“Nada dura para sempre”, é a desculpa ideal para omitir erros, sejam de um ou de outro.
Não te podes queixar das oportunidades que te dei… de voltar a sonhar, a pular e a planear um futuro lindo. Também me podes culpar de querer o meu espaço… porque o amor é sinónimo de cara metade, sinónimo de completar… não de sermos um só… isso é meramente impossível! Enfim… “nada dura para sempre…”
Agora estamos mais distantes, se o amor nos unisse, os km não seriam desculpa para nada… Enfim… “nada dura para sempre…”
Nada tem explicação para um desfecho terrível de laços tão profundos e unidos, que em pouco tempo se tornaram no motivo principal de não nos queremos voltar a ver um ao outro…
Se nos voltarmos a encontrar, a desculpa que iremos dar sobre o nosso passado sabes qual é? “Enfim…nada dura para sempre…”

Anúncios

Quando te voltar a ver…

Publicado em Atualizado em

“Tem sido um longo dia sem ti, amigo, e vou te contar tudo quando te encontrar novamente.

Percorremos um longo caminho desde que começamos. Oh! Eu vou te contar tudo quando te encontrar novamente…

Caramba, quem conhecia todos os aviões que voaram? As coisas boas que passamos. Que eu estaria parado aqui a falar contigo mas de um outro lado… Sei que gostávamos de gozar da estrada e dar uma gargalhada, mas algo me diria que isso não duraria muito tempo…”

images

“Como ignorar a família quando a família é tudo o que temos? Tudo o que eu passei, tu estavas lá ao meu lado. E agora voltaremos a estar para um último passeio…”

Wiz khalifa- See You Again traduzido

É impossível não sentir a letra desta música, não só por o que o Paul era para nós, pois os filmes de Velocidade Furiosa acompanharam a nossa infância ou adolescência. Mas também pelo facto de cada um de nós já ter visto alguém próximo de nós…partir para um ponto mais distante…

Estamos habituados a vê-los diariamente, a ligar-lhes quando mais precisamos, nem que seja para dar um abraço… Do nada esse pessoa teve que ir… Sempre ouvi dizer que quem fica, é quem mais sofre. Por isso senti que devia escrever algo sobre esta canção, que teimo em ouvi-la todos os dias. Leva-me a recordações… e recordar é viver… Transmite um sentimento de que temos de valorizar quem ama-mos, enquanto podemos.

E quando já não pudermos… ouviremos esta música e recordaremos momentos, nos quais ainda estávamos juntos e tudo era mais perfeito!

Acreditarei eu no destino?…

Publicado em Atualizado em

tumblr_lrsl1yyrSH1qck6jmo1_r1_500

Alguém me dê razões para acreditar que, nascemos para seguir um rumo de acontecimentos pré-destinados! Porque eu não consigo acreditar… porque nem entender sequer!

Agora os crentes vão pensar que és ignorante por pensares como eu! Mas eu passo já a explicar…

Será que nascemos destinados a ter uma doença que nos leve nos primeiros anos de vida? A perder familiares cedo demais ou de maneiras trágicas? Já sei!… Somos destinados a viver amarrados a uma cama dependente de máquinas!

Querem mais exemplos? Uns vêem a este belo mundo e nem sequer têm oportunidade de o ver…e outros de o ouvir…

Melhor… Querem me dizer que, MILHÕES DE CRIANÇAS NASCERAM DESTINADAS A MORRER À FOME! Fabuloso!!! – Nasci, criei uma família e depois morremos todos em casa por causa de um tsunami (ou tornado)!

Até podemos falar dos que do nada levam uma bala na cabeça, de um terrorista qualquer, cujo mundo deles é estragar o dos outros… e pronto! Era esse o teu destino.

Com todo este sarcasmo aqui descrito, podem parar e refletir. Basta de teorias e crenças no abstrato!

Não quero criticar crença nenhuma, até porque todos nós somos vítimas delas… Pagamos para nos darem um rumo (psicológico). Só não podemos estar à espera que o destino isto ou aquilo. O destino somos nós que o fazemos ou decidimos. Tens várias opções de escolha não tens? Então não existe destino…

Vamos lutar pelo que ambicionamos sem estar à espera de ajudas ou que o destino resolva! Se queres saber, pesquisa… Se queres ter, faz por isso… E se tens um sonho, desenha um caminho e segue-o!

Lembra-te do que fomos…

Publicado em Atualizado em

7269_ad9c

Éramos um só…
Vivemos como se não houvesse mais nada no mundo, a não ser… tu e eu!
Ri-mos e choramos, partilhámos, ama-mos…
Até um dia… em que tudo terminou. Culpa de ambos!
Um não valorizava e outro chorava… Tudo porque o meu mundo deixou de ser nós e vice-versa…
Se não me tivesses encostado num canto da gaveta, nunca teria havido dúvidas nem desconfianças… Nunca teria agido da mesma forma que tu… encostar-te num canto da gaveta…
Agarrei-me a música e pensamentos, numa tentativa de afogar as mágoas… Tu agarraste-te a outras pessoas… na tentativa de te mostrares forte (penso eu), ou então simplesmente com eles quiseste estar e não comigo…
Corria contra ventos e tempestades por ti, desaproveitei e larguei quem me valorizou…
Hoje arrependo-me. Penso em nunca mais voltar atrás na minha decisão… Mas o amor e a saudade bate mais forte quando fotos que retratam momentos nossos felizes encontro…
E se um dia voltamos a ser amigos e a paixão surge novamente? Acabarei na mesma situação… Por isso afasta-te de mim, e é tudo o que eu te peço…

Não importa o que disserem…

Publicado em Atualizado em

tumblr_m8knkdW7SB1ro0o6eo1_500

Não importa o que disserem…

No final podes obter bons resultados,

Se fizeres uma coisa…Sorri!

Não importa para onde a vida te leve

Encara tudo com um sorriso,

porque todos estamos predestinados a ser felizes!

Sorri sempre como uma criança…

Pois nunca pensaste que a vida seria tão doce

se sorrires de bochecha a bochecha!

Então nunca esperes por nada,

porque isso nem faz o teu estilo!

A tua vida não poderia ser melhor,

E chegaste a essa conclusão apenas sorrindo.

Se pensares assim todos os dias,

Esses dias serão os melhores da tua vida!

Se outros não tiver um sonho,

Não importa, desde que não estraguem o teu!

Pois podem odiar-te e não derrubar-te

Porque eles têm os pés assentes no chão,

Mas tu observa-los do topo!

Quando eles quiserem lutar…

Descerás para a guerra…

No fim… polegares para cima

e está tudo numa boa!

Amo ser feliz e desprezo quem me tenta parar!

Publicado em Atualizado em

tumblr_mi2yd0eVyB1rm2g09o1_500

Não és a única pessoa que quando está feliz com alguém, ou alguma coisa, põe o mundo de lado para ter todo o tempo dedicado a ela. Às vezes perguntas-te porque é que assim o fazes! É simples… fazes porque amas e ao te dedicares no que amas sentes-te melhor… Não é verdade?

Vais recebendo aqueles avisos de amigos, ou até insultos de outros… Tudo porque se preocupam e outros te invejam. Tu refletes sobre o que os teus amigos te dizem em relação a esta situação…no entanto, continuas a fazer o mesmo e sabes porque? Porque te faz sentir bem e aumenta a tua felicidade. E pões de parte os outros!

Podemos-nos chamar de aventureiros, porque arriscamos. Já os antigos diziam “quem não arrisca não petisca” e nós petiscamos sem pensar em consequências ou finais…

Também sabes que essa felicidade pode ser só por uns instantes…que poderá não ser para sempre e que nesse caminho de escolhas poderás ter deixado alguém para trás, que mais tarde te vai dizer “eu avisei-te” e virar-te às costas… Mas continuamos a arriscar! 

Lembra-te que se viraram costas por te dedicares e arriscares a um propósito que poderia ser o maior na tua vida, é porque não mereciam que dedicasses um pouco de atenção neles… Por isso continua a viver aventuras que te fazem feliz! Continua a creditar em pequenas coisas que se podem tornar num tudo e viveres um “in love” para sempre.

Foi apenas um desabafo de alguém que vive e arrisca como tu!

Jajão?

Publicado em

jajao

Jajão é…

o que há em qualquer relacionamento

seja compulsivo ou por um momento.

Julgaste de mim parvo

ao pensares que

todas essas tuas palavras bem escritas

me iriam enganar…

não te vou mentir que..

por momentos acreditei mas,

Sempre dei valor a atitudes

e ao que eras quando comigo estavas.

Nada do que escrevias, descrevia o que éramos.

Nela éramos um mundo…na minha boca…nada fomos.

Pois, adoras viver o momento e por isso os vivemos tão felizes,

E com a distância foste-te esquecendo dos nossos momentinhos e porque?

Porque outros iam aparecendo a frente…

e como um isco … tu vais atrás da satisfação

como um pobre atrás do pão.

Era só jajão…